O que é Marketing

Marketing é um processo utilizado para se estabelecer, entre empresas e consumidores, um relacionamento que possa ser lucrativo para ambos.
A primeira vez que se utilizou o termo com esta aplicação foi em 1960, com o professor Theodore Levitt. Levitt publicou o artigo “Miopia em Marketing” no qual considera que o lema “vender a qualquer custo”, que era utilizado até então, estava completamente equivocado.

A partir de Levi, o objetivo da atividade passaria a ser a “satisfação garantida” do cliente. Para se garantir esta satisfação é necessário que ele atue em duas frentes distintas:

• Conquistar Clientes
• Fidelizar Clientes

O que é Marketing

Como conquistar clientes

Para conquistar clientes é preciso, de antemão, saber o que o consumidor necessita.
Esse conhecimento se faz com um estudo, via pesquisa no mercado, para determinar quais valores os consumidores desejam adquirir juntamente com uma mercadoria.

Se o estudo se mostrar favorável, a empresa passará a trabalhar no desenvolvimento (ou aprimoramento) de produtos e serviços que agreguem os valores desejados. Assim eles ficarão mais atraentes aos olhos dos consumidores. Esta é a primeira ação do marketing para que consiga alcançar seus objetivos.

Os 4 P’s do Marketing

Mais que apenas conceitos de marketing os 4 P’s são os elementos do marketing.

Jerome McCarthy, outro estudioso definiu 4 elementos que devem orientar as organizações para que elas se aproximem o mais possível dos objetivos do marketing. McCarthy chamou esses elementos de 4 P’s.
Os 4 P’s são variáveis que podem ser controladas pelos empreendedores e que influenciam a procura por um produto e incrementam suas vendas. São elas:

  1. Produto: Tem em vista a satisfação das necessidades dos clientes. O produto pode ser um bem, serviço, ideia, pessoas, organizações ou a combinação de todos estes.
  2. Preço: Corresponde à soma dos valores pagos pelos benefícios do bem. O processo de definição de preço deve considerar tanto o impacto econômico quanto o psicológico, e deve levar em conta também o valor criado para o consumidor.
  3. Praça: Também chamado de local da distribuição, preocupa-se em definir como o produto chegará ao cliente. Fornecedores, revendedores e clientes devem estar integrados através dos pontos de vendas. O número de intermediários define a extensão da rede de distribuição.
  4. Promoção: A promoção é utilizada com o objetivo de informar, persuadir e lembrar os consumidores sobre um produto ou serviço. A ideia é influenciar a opinião ou estimular uma resposta por parte dos potenciais clientes.

As principais ferramentas de promoção são:

  • Propaganda: forma paga e unilateral, feita através dos principais veículos de massa (rádio, TV, jornal, outdoors, etc.) para promover ideias, bens, serviços ou pessoas.
  • Promoção de vendas: Clientes mais sensíveis aos preços serão incentivados a realizar a compra através de amostra grátis, cupons, prêmios, isca digital, etc.)
  • Relações Públicas: mantém o relacionamento com diversos públicos como consumidores, fornecedores, acionistas, agentes governamentais, colaboradores e a comunidade na qual a empresa está inserida. O objetivo é fortalecer a imagem da empresa para que obtenha boa publicidade. Um foco das Relações Públicas é ainda procurar minimizar resultados negativos em caso de situações conflitantes com quaisquer um desses públicos.
  • Venda Pessoal: Os produtos da empresa são comunicados através de uma equipe de vendas, que faz a mediação entre empresa e compradores, no sentido de balancear os interesses da empresa (maximizar receitas e lucros) e dos compradores (diminuir custos e aumentar vantagens).
  • Marketing Online: Toda a comunicação que se faz através da internet, que é em tempo real, através de websites, blogs, e-mail marketing e redes sociais.

Como fidelizar clientes

Sem dúvida, a fidelização de clientes é a grande sacada do relacionamento. O cliente fiel é o maior aliado de um empreendimento, pois, torna-se um porta voz da marca.

Sua satisfação passa a ser a propaganda que vai atrair novos compradores e disseminar a boa imagem da empresa. Portanto, quanto maior foi o contingente de clientes fiéis, maior será a força do seu empreendimento.

Um cliente fiel é aquele que saiu satisfeito da experiência de compra e provavelmente a repetirá.
Estudos apontam que fidelizar clientes sai até cinco vezes mais barato para a empresa do que conquistar um novo.
O suporte pós-venda é muito importante para que esta satisfação seja completa. Todo o trabalho anteriormente aplicado para conquistar o cliente pode ser perdido, caso ele seja esquecido após a venda.

Não basta ser bom. É preciso ser único

Num mercado concorrido como o de hoje, não basta ter o melhor produto a oferecer. O melhor produto vai garantir a satisfação pessoal do cliente. Mas, todas as empresas do mesmo nicho estarão batalhando pelo mesmo resultado. Sendo assim, o grande diferencial da sua marca pode ser a capacidade de “encantar” seu cliente.

No geral, isso significa tratar o cliente como rei. Há algumas estratégias que vão te ajudar nessa jornada.

Vejamos:

  • Ter o melhor atendimento de todos: saber atender bem não é dizer ao consumidor o que ele deve comprar. É “perceber” o que ele quer e direcionar esforços para atendê-lo. Para isso é preciso sensibilidade e empatia. Antes de falar, é preciso ouvir o que o futuro comprador tem a dizer e colocar-se no lugar dele. Dessa forma, será possível compreender seus anseios com relação ao produto.
  • Tratamento diferenciado para os clientes fiéis: Eles são responsáveis por até 65% das vendas. Por isso, invista no relacionamento com eles através de informativos com conteúdo personalizado, descontos e vantagens. Lançamentos com ofertas especiais devem ser oferecidos em primeira mão para os seus clientes fiéis.
  • Saber exatamente quem são os clientes: Mantenha uma planilha com informações de contato e de preferências dos seus clientes. Tais informações vão direcionar ações que vão fazer o seu cliente se sentir especial.
  • Avaliar a satisfação do seu cliente: Você pode fazer isso utilizando o método NPS – Net Promoter Score que consiste numa métrica criada para medir a satisfação e lealdade do cliente após uma venda. A partir de uma única pergunta a empresa vai obter respostas sobre a probabilidade de o seu cliente recomendar sua empresa/produto/serviço a amigos e conhecidos.
    A pontuação varia de 0 a 10, e no final das perguntas o cliente é estimulado a falar sobre as razões para a nota dada. Se você já respondeu a uma pesquisa de satisfação da sua prestadora de serviço de internet, por exemplo, saberá do que se trata este método.

O ciclo nunca se completa. A partir dessa verificação é preciso investir em marketing de relacionamento para que o cliente continue se sentindo especial.

O que é Marketing
4.7 (93.33%) 6 votes

4 comentários em “O que é Marketing”

  1. Olá,

    Comecei minha graduação em marketing há pouco tempo e esse tipo de artigo ajuda muito.

    Parabéns!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *